Blog da Associação Amigos das Artes de Trás-os-Montes e Alto Douro

26
Dez 08

POESIA DE JAIME MARQUES - ( JUNTO DA LAREIRA )

CANTOS E RECANTOS

MINHA CASA VEJO

FICARAM MEUS ENCANTOS

QUE JÁ MAIS, NÃO DESEJO.

 

JUNTO DA LAREIRA

UMA VELHA CADEIRA,

FOI MINHA EM VIDA

E DE ANOS FOI SERVIDA.

 

POETAS, ESCRITORES E PINTORES

NELA, RECORDAVAM SEUS AMORES!...

SENTIMENTOS DA ALMA

QUE REFLECTIAM TODA A CALMA.

 

CADEIRA DE TRADIÇÕES

ALI, NA FOGOSA LAREIRA

DE SONHOS E ILUSÕES

QUE ENCHIAM CORAÇÕES.

 

POR ISSO, VIVA TUDO

QUE HÁ PARA VIVER.

AQUI É TUDO MUDO

DE MISTÉRIOS QUERO CRER.

 

PERDOEM.... SEMPRE!!

A MORTE É ESTRANHA

A HUMANIDADE CUMPRE

E NINGUEM ADVINHA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por aaatmad às 16:48

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
27

28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Participantes
pesquisar
 
blogs SAPO